Padre não mente

Esta piada foi vizualizada 1023 Luiz 09/08/2007 09:00:00 Padres

Uma senhora muito distinta que estava em um avião vindo da Suíça sentou-se ao lado de um padre e perguntou:
- Desculpe-me, padre, posso lhe pedir um favor?
- Claro, minha criança, o que posso fazer por você?
- Eis o problema: eu comprei um novo secador de cabelo, mas com ele ultrapassei os limites da declaração e estou preocupada dele ser confiscado na Alfândega.
Será que o senhor poderia levá-lo debaixo de sua batina?
- Claro que poderia, mas você deve saber que eu não posso mentir.
- O senhor tem um rosto tão honesto, padre, que estou certa que eles não lhe farão nenhuma pergunta.
O avião chegou a seu destino e quando o padre se apresentou à Alfândega,lhe perguntaram:
- Padre, o senhor tem algo a declarar?
- Do alto da minha cabeça até a faixa na minha cintura, não tenho nada a declarar, meu filho.
Achando a resposta estranha, o fiscal da Alfândega perguntou:
- E da faixa da cintura para baixo, o que o senhor tem?
- Eu tenho um equipamento maravilhoso, destinado ao uso doméstico, em especial para as mulheres, mas que nunca foi usado. Caindo na risada, o fiscal exclamou :
- Pode passar, Padre!
O Próximo .....

Mais da categoria Padres

Piadas mais nova

Categorias mais acessadas

Descrição

Uma piada ou anedota é uma breve história, de final engraçado e às vezes surpreendente, cujo objetivo é provocar risos ou gargalhadas em quem a ouve ou lê. É um recurso humorístico utilizado na comédia e também na vida cotidiana.
O senso de humor varia em cada cultura. O que é engraçado para um povo pode não ser para outro. Um estudo da Universidade de Hertfordshire, no Reino Unido, versou sobre o assunto em 2004, objetivando colher opiniões através da internet para se descobrir qual seria "a melhor piada do mundo".
Através do resultado dessa pesquisa, observou-se o quanto a cultura local influencia no "senso de humor" de cada povo. Os britânicos demonstraram gostar mais de trocadilhos, enquanto franceses e alemães costumavam optar por piadas que tendiam ao nonsense. Já os estado-unidenses preferiam piadas sobre assuntos locais.
Contudo, algumas características foram independentes do país. Homens, de uma maneira geral, demonstraram gostar de piadas que envolvessem sexo e preconceito, enquanto as mulheres não gostavam desse tipo de conteúdo. Como a pesquisa só possui até o momento dados de Estados Unidos, Canadá e Europa, não há análise sobre as preferências dos ibero-americanos.